terça-feira, 26 de fevereiro de 2008

Tapeando en la noche madrileña

No último fim de semana pude conhecer uma das noites mais badaladas da Europa, a de Madrid, e me encantar ainda mais com alguns costumes espanhóis. Descobri que tapear por aqui não tem nada a ver com enganar alguém.

Uma das características famosas da culinária espanhola são as “tapas”, que eu traduziria como o nosso tira-gosto aí do Brasil. E um dos costumes dos jovens é sair pela noite, passando de bar em bar, tomando uma “caña” (chope) e comendo uma tapa. Isso é o que eles chamam de tapear e é comum também em Valencia, onde moro (ainda que aqui não tinha escutado a expressão).

Mas o mais bacana de Madrid é que a cada rodada de bebida o bar coloca também uma tapa na mesa, por conta da casa. Os mais animados aproveitam para trocar de lugar o tempo todo e experimentam diferentes tapas. Numa noite pode-se comer tortilha de batata, batatas fritas, canapés, lingüiça, e mais um monte de coisa.

Os pubs e algumas boates também têm uma vantagem: a maioria deles não cobram entrada. O lance é escolher a região por onde que sair e ir passando de boate em boate e dançar um pouco de cada estilo musical. Esses lugares gratuitos não ficam exageradamente lotados e com ambiente ruim, como eu pensaria caso não tivesse ido a pelo menos quatro em um só dia.

O problema é que a maioria fecha às 3h30 da manhã. A casa pode estar lotada, que ele apagam as luzes e desligam o som. Os mais animados têm que continuar a noite nas boates pagas, que enchem nesse horário.

8 comentários:

Daniel Ferreira disse...

Obrigado, Abreu! Obrigado por nos apresentar uma Espanha "diferente" a cada dia em seus textos. Além de traçar um paralelo com a cultura latina e, em especial, a brasileira..
Continue a nos dar esse prazer, matutino, ou de final de tarde, quando estamos a ler seus excelentes textos...

Estou te "linkando", tudo bem?

Saudações,
Daniel Ferreira

Saviano Abreu disse...

Valeu pelo estímulo Daniel. E não deixe de aparecer por aqui sempre.

Vanessa disse...

Nooooossa..... imagina sair na noite, passando por vários lugares e experimentando diferentes "tapas"?! .... mtoooo bom.

E ainda.. imagine entrar em boates de graça.... ia ser tuuuuudoooo.

Será q isso daria certo por aki??? Quem sabe!!

Ótimas baladas por aí viw !!!
Bjus

Saviano Abreu disse...

vanvis, acho que ai ia virar um empurra empurra danado.. mas nao se iluda, pq a bebida aqui eh carissima.. rsrs

Henrique Felippe disse...

Que ótimo... papo de buteco legal hein... olha, tenho "tapeado" bastante aqui no Rio... é claro, poderia estar mais, mas minha monografia não tem deixado.. rs

E que galera animada hein... amigos reunidos, é isso? Show de bola...

Grande abraço...

Henrique
Vai Vendo...
http://henryfelippe.blogspot.com/

Saviano Abreu disse...

nem reclame, henrique.. meu finde foi preso em casa estudando tb.. mas semana que vem desconto. rsrs. sim, foi reuniao de pessoas que gosto muito.. e outras que aprendi a gostar neste finde.
um abraço

Marcia disse...

Já ouvi falar dessas Tapas e dizem que ás vezes vale por uma big refeição.

Dizem que Madri é um cidade linda e super vibrante e sei que também é a casa de uma escritora da qual gosto muito chamada Rosa Montero.

Você deve estar num ótimo lugar :)

Andrea disse...

Muito legal poder conhecer vários lugares "de graça" e com direito a "tira gosto"...Pena que aqui nunca daria certo né? Aproveita pra se divertir bastante...ABRAÇÃO...