quinta-feira, 13 de dezembro de 2007

Mejillones, calamares y pulpo

Hoje eu não almocei de novo.... Ainda que eu goste da culinária espanhola e seja simplesmente tarado por pratos como a tortilla de patatas e os bocadillos de jamón serrano – nada mais que um sanduíche de presunto de parma, como conhecemos aí no Brasil – ainda não me acostumei com a quantidade de peixe e frutos do mar que esse povo come por aqui. No mínimo umas três ou quatro vezes por semana servem pescado ou qualquer outra coisa que venha da água.

Não é tão diferente da culinária de algumas regiões do Brasil, onde também se come mexilhões, ostras, lulas e polvos. Mas aqui é demais, a freqüência é maior. E hoje todas essas guloseimas nada apetitosas para mim estavam juntinhas, ali, numa sopa de mariscos na hora da comida.

Para um bom mineiro como eu, nascido no interior, essas coisas parecem um tanto quanto estranhas. No meio da sopa, que é feita com um macarrão típico daqui, como se fosse um espaguete cortado, tinha até umas conchinhas, iguaizinhas àquelas que catamos quando vamos à praia. Não dei conta.

Tive que me contentar com “papas fritas”, salada e pão. Aliás, esse outro costume daqui, de comer pão às refeições, muitas vezes me salva a vida. Quando não agrado muito da comida, me entupo de pão e tudo bem.

Os espanhóis têm horários bem diferentes para comer. O café da manhã é normal, depende da hora que cada um acorda. Mais ou menos ao meio-dia é o almoço, que na verdade não é o nosso almoço não. Nesse horário eles fazem apenas um lanchinho para agüentar o tranco. O almoço mesmo – ou a comida, como dizem aqui – é depois das 14 horas. Muitos só vão comer lá pelas 16 horas. Antes disso, é impossível achar um restaurante servindo refeições. Um pouco mais tarde tem um “merienda” e o jantar (cena) lá pelas 22 horas.

Bom, pelo menos agora pela noite a coisa estava melhor: frango grelhado. O problema é que falta um arrozinho com feijão para acompanhar.

7 comentários:

Karina Almeida disse...

acho que se eu morasse na espanha ia virar uma baleia!!!

eu aaaamo frutos do mar! amo essas comidas daih (nao conheco direito, mas de vez em quando como em restaurante espanhol por aqui).

e adoro o japao por isso tb. aqui tem frutos do mar a doidado! nunca comi tanto camarao e polvo na vida! ah, fora o peixe cru ne...

se bem que tanto aaamo carne! e sinto uma falta danada da comidinha mineira. oh ceus!

nanci disse...

ESPANHA, COMER FRUTOS DO MAR, AMO, MAS TODOS OS DIAS? EU QUERO ARROZ E FEIJÃO, MACARRONADA,MAS CADA PAIS COM SUA COMIDA TIPICA NÃO É, MAS SAVIANO, VAI FICAR SEM AQUELE ARROZINHO SOLTINHO, O FEIJÃOZINHO BEM VERMELHINHO POR MUITO TEMPO NÉ? GOSTEI DO QUE VC CONTOU, ME DEU VONTADE DE IR P. AI SABIA,MAS VOU LEVAR MEU FEIJÃO, RSRS.QUANDO ESTIVER COMENDO LEMBRAREI DE VC, E ME CONTE MAIS SOBRE A COMIDA DAI TÁ, AGORA ESSE HORARIO NINGUEM MERECE HEM.BJKS.

André disse...

AHAHAHA

Mtu boa sua forma de se locomover na Espanha...
Ri mtu... rs

Blog Oficial disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Blog Oficial disse...

ô saviano, minha mae ta rindo aqui falando se você quiser ela manda um arroz com feijao pra vc.
rsrs
credo, so de pensar ja fico com nojo de polvo e mechilhao..
by:saulo

misabino disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkk
aki...sinceramente...eu morreria de fome...esse horario ia me matar ...as 11hr da manha eu to vesgo de fome

qto aos frutos do mar ia adorar sou adpto uahauha

Saviano Abreu disse...

Karie - eu amo comida japonesa... mas essas coisas aqui nao descem nao..
Nan - fica fazendo inveja nao, viu
André - vc se confundiu, o post do metro é o outro.. rsrs.. vc tb me faz rir..
Saulo - já mandei o endereço, ne? to esperando a encomenda entao.
Michel - rapidim se acostuma.. eu ate engordei, mesmo com essas coisinas esranhas ai.