quarta-feira, 19 de novembro de 2008

Estoy de vuelta

Resolvi voltar. Na verdade, eu nunca pensei em parar. Mas não sei bem em que momento tive que ficar um tempo sem escrever e pronto, acabei deixando o blog abandonado. Mas o fato é que estou aqui e vou (espero) colocar vocês a par do que anda passando nessa minha espanha em crise (não se fala em outra coisa).

Antes vou dar uma atualizada, repassando a atual conjuntura sociopolítica da minha vida, para os que perderam alguns capítulos. Ainda estou em terras espanholas. Para ser exato, foi meu aniversário de um ano aqui na primeira semana de novembro. Estive no Brasil em setembro. Fiquei um mês no nosso querido País e voltei um pouco assustado com os preços de tudo por aí. Pobre ainda tem direito a comer? É uma dúvida que tenho.

Os planos que tinha quando cheguei aqui sofreram algumas alterações e um pequeno alargamento de tempo. Ainda não terminei o primeiro mestrado que vim fazer, mas já comecei outro. Agora faço dois (podem me chamar de doido).

Já não tenho a mordomia de uma bolsa de estudos e ando ralando para ganhar o pão de cada dia. Mas a experiência tem sido gratificante. Já não moro em uma residência universitária. Divido apartamento com uma brasileira (Júlia, na foto a da esquerda) e uma espanhola (Raquel). Na verdade dois anjos destes que cruzam nosso caminho. Nos conhecemos na residência e quando terminaram nossas respectivas bolsas resolvemos nos casar e morar juntos. O trimônio anda muito bem, obrigado, e me ajuda muito a enfrentar a barra por aqui.

É isso, quem ainda estiver interessado em conhecer um pouquinho mais da Minha Espanha, apareça por aqui.


¡Saludos a todos!

8 comentários:

vanessa disse...

Amigoooooooo....
Que maravilha ter voltado...estava sentindo falta das suas histórias... uhauahuahauha.
Doido vc sempre foi.. posso dizer pq já são anos de convivência. Mas sei que está correndo atrás de seus sonhos e fico mto feliz por isso.
Sua vinda ao Brasil foi ótima, apesar de bem rápida neh... mas deu pra matar um pouquinho da saudade. Ahh... e com o famoso "jeitinho brasileiro", os pobres ainda conseguem comer. É a crise!!!
E oh... esse trimônio aí... tô com ciúmes hein... kkkkk

Espero novas histórias em breve hein....

Bjussss

Leh disse...

Vai na fé! Sua vida vai ser um sucesso! Continua assim! Boa sorte no futuro! =)


http://metobronca.blogspot.com/

nana lopes disse...

Tenho raizes remota em Málaga...amo a Espanha

renata disse...

Ei Savi...
Tem vaga aí?
Continue dando notícias!!!
Bjs
renata

Rozangela disse...

Tenho uma sobrinha morando na Espanha há 4 anos. Não quer vir embora de jeito nenhum, diz que a "vida" ficou mais fácil p/ ela ( claro que o fato dela ter se casado com um dentista espanhol facilita). Bem , volto aqui mais vezes p/ ler seus posts com calma.E que bom que "anjos" como esses da foto aí, estão com vc . Fica mais fácil ter pessoas em quem confiar e contar qd se precisa. Beijinhos!!
http://cgfilmes.blogspot.com/

Rozangela disse...

Ops! Correção: Ela estava na Espanha há 4 anos qd se casou. Agora já são 8 anos.

Saviano Abreu disse...

Vanvis.. nao fique com ciumes qe vc mora no meu coraçao tb..r srs

Renata, a crise ta brava, mas se quiser vir, tem um cantinho aqui sim.r srs

maria disse...

tenho um filho que morta na espanha há 3 anos.e agora vai ser papai.tenho muita saudade dele meu unico filho homem.fico preoculpada pois não sei como funciona ai... pois a minha neta vai nascer ai e vai ser filha de brasileiros.queria saber como andam as coisas por ai? (crise).